jusbrasil.com.br
15 de Dezembro de 2017
    Adicione tópicos

    TJ do Rio debate a inclusão das pessoas com deficiência no mundo do trabalho

    Foi realizada nesta quarta-feira, dia 06, a palestra ‘A promoção da acessibilidade na inclusão das pessoas com deficiência no mundo do trabalho’, organizada pelo Departamento de Saúde (Desau) do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) e pela Escola de Administração Judiciária (Esaj), no auditório José Navega Creton, no Fórum Central. A ação faz parte do Plano de Logística Sustentável (PLS) do TJRJ.

    O chefe do Serviço de Ambiência e Acompanhamento de Pessoas e membro da Comissão Permanente de Acessibilidade e Inclusão do TJRJ, Márcio Castro de Aguiar, é deficiente visual e destacou a importância de disseminar a informação das questões relacionadas à inclusão e à acessibilidade para facilitar a integração das pessoas nos ambientes internos de trabalho.

    “Quanto mais falarmos sobre o tema, teremos mais chances de interagir com pessoas com e sem deficiência, e o ambiente no tribunal fica mais propício à inclusão. A maioria dos problemas de relacionamento entre pessoas com e sem deficiência vem da falta de informação e desconhecimento de como lidar com as diferenças”, completou.

    O palestrante também comentou que atualmente o TJRJ possui 268 servidores com deficiência e as instalações são adaptáveis às suas necessidades. Desde a acessibilidade no interior dos fóruns, com rampas e sinalização adequadas, até um portal que disponibiliza ferramentas que permitem o acesso para os deficientes visuais.

    “O site está em constante atualização para os programas de leitura de tela, usados por internautas com necessidades especiais. Nós damos um curso na Esaj há mais de sete anos falando sobre relacionamento inclusivo e atendimento às pessoas com deficiência e isso ajuda na disseminação da informação”, reforçou.

    SV/AB

    Fotos: Brunno Dantas/ TJRJ

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)