jusbrasil.com.br
17 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro TJ-RJ - APELAÇÃO: APL XXXXX-37.2015.8.19.0203

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Órgão Julgador

VIGÉSIMA CÂMARA CÍVEL

Partes

Publicação

Julgamento

Relator

Des(a). MÔNICA DE FARIA SARDAS

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-RJ_APL_00560863720158190203_be707.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. OMISSÃO. RESTITUIÇÃO TAXA SATI. TERMO A QUO DOS JUROS. CITAÇÃO. ERRO MATERIAL. RECONHECER A SUCUMBÊNCIA MÍNIMA DOS AUTORES PARA QUE OS ÔNUS SUCUMBENCIAIS SEJAM SUPORTADOS INTEGRALMENTE PELA RÉ.

1. Acolhimento dos primeiros embargos dos autores. Omissão. Para fixar a citação como termo a quo da devolução da quantia a título de taxa SATI. Erro material. Ausência de pedido de danos morais. Sucumbência mínima dos autores restrita à devolução da taxa de corretagem. Ônus sucumbenciais que devem ser suportados integralmente pela ré.
2. Rejeição dos segundos embargos da ré. Mesmo para fins de prequestionamento, o órgão julgador não está obrigado a se manifestar sobre todos os textos legais, assim como sobre todos os fatos elencados pelo recorrente, bastando que se pronuncie sobre o que se mostra necessário à fundamentação da decisão. Jurisprudência do STJ. ACOLHIMENTO DOS PRIMEIROS EMBARGOS DECLARATÓRIOS E REJEIÇÃO DOS SEGUNDOS.
Disponível em: https://tj-rj.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1181608192/apelacao-apl-560863720158190203

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça do Paraná
Jurisprudênciahá 11 meses

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - Apelação: APL XXXXX-38.2019.8.16.0017 Maringá XXXXX-38.2019.8.16.0017 (Acórdão)

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 4 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp XXXXX DF 2016/XXXXX-2

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 9 meses

Supremo Tribunal Federal STF - AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE XXXXX DF XXXXX-17.2000.4.01.3400

Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul
Jurisprudênciahá 3 anos

Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul TJ-MS - Apelação: APL XXXXX-22.2016.8.12.0002 MS XXXXX-22.2016.8.12.0002

Tribunal de Justiça do Estado da Bahia
Jurisprudênciahá 11 meses

Tribunal de Justiça do Estado da Bahia TJ-BA - Recurso Inominado: RI XXXXX-33.2019.8.05.0274